A Associação

Na busca por uma estratégia de enfrentamento a exclusão social, a Associação Rural dos Agropecuaristas do São João resolveu adquirir a tão sonhada propriedade, local onde seus “avós e pais” passaram a vida produzindo e repartindo toda a produção ao meio com os patrões. Esse sonho se tornou realidade graças ao Programa de Reforma Agrária Credito Fundiário, onde surgiu a oportunidade de sair da condição de moradores para a de donos da propriedade, tornando possível não só adentrar a casa sede da Fazenda, mas agora residir nela. A aquisição da propriedade tão sonhada não foi o suficiente para melhoria da qualidade de vida dos moradores, precisava-se fazer algo para gerar renda. Através do Programa de Redução a Pobreza Rural (PRPR) do COOPERAR a historia começou a mudar e os associados conseguiram uma Agroindústria de Processamento de Polpa de Frutas, além de receber do SEBRAE a capacitação necessária para processar as frutas, surgindo assim a AGROPÉCUARIA FONTE DE SABOR. Em 2011, a Universidade Federal de Campina Grande começou a atuar no assentamento com a transferência de tecnologia para ampliar sua produção e assim, os assentados conheceram novas tecnologias.

Uma das principais fontes de renda dos assentados vem da venda da Polpa de fruta que é produzida dentro do assentamento pela agroindústria. O processamento de polpa de frutas congelada inclui uma sequência de etapas que deve ser seguida a fim de se obterem produtos dentro dos padrões de segurança do alimento estabelecidos pelo Ministério da Saúde (MS) e Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

A comunidade rural do Assentamento São João do município de Pombal – PB ocupa uma área de 266 ha com dois acessos, um pela BR230 após o perímetro urbano do município de Pombal, percorrendo 9 km; o outro pela BR 427, sentido Pombal-Paulista, totalizando 12 km da sede do município, situado à margem direita do Rio Piranhas, ao sul dos limites geográficos do município.


Parceria:

Universidade Federal de Campina Grande, através do Programa de Estudos e Ações para o Semiárido.

Fundação Parque Tecnológico da Paraíba.

Prefeitura do município de Pombal-PB.

Público Interno: Docentes, discentes e técnicos do Centro de Ciência e Tecnologia Agroalimentar – CCTA.